Tag

Orgânicos

Browsing

Restaurante Bio: do renomado Chef Alex Atala trás proposta saudável e sustentável

Restaurante Bio: localizado na região do Itaim proporciona aos clientes pratos criativos com ingredientes naturais

Restaurante Bio: o Bio é um dos restaurantes do Chef Alex Atala que tem uma proposta sustentável, utilizam ingredientes orgânicos em pratos criativos onde são aproveitados completamente, sem desperdícios. Neste sábado fui com a minha esposinha almoçar lá, e apesar de não termos feito reserva não esperamos muito para ocupar uma mesa. Como apreciador de cerveja, solicitei ao garçom que nos atendeu a Bagaço de fabricação própria do Bio, ela leva casca de limão siciliano, tangerina e laranja utilizadas pelo próprio lugar, sabor cítrico e cerveja leve bem refrescante. Para entrada pedimos o queijo coalho com melaço e bacon de coco… sério, que combinação, escolha bem acertada para começarmos o nosso almoço! De prato principal eu pedi a barriga de porco glaceada com goiaba e para acompanhar vem purê de batata doce ao gengibre, minha loirinha foi de bobó de pupunha com cogumelos. A riqueza de sabores dos pratos é indescritível, combinações que na minha visão são bem inusitadas, mas que funcionaram muito bem!  E para finalizarmos esse almoço divino pedimos de sobremesa a torta de caramelo salgado, que nada mais é que uma massinha crocante de amendoim com brigadeiro branco e preto, acho que nem preciso dizer que estava deliciosa né?! O ambiente do Bio é bem tranquilo e a decoração leva itens de artesanato brasileiro. Outra coisa que achei bem legal é o fato de que eles servem café da manhã, almoço e jantar. O almoço executivo muda todos os dias.

Avaliação geral:8,6/ Comida: 8,5/ Ambiente:9,0/ Serviço: 8,0

Maní: cozinha contemporânea, criativa e ao mesmo tempo com muita simplicidade

Maní: o restaurante que fica no Jardim Paulistano trás para seus cliente preparações feitas com produtos orgânicos

Maní: em uma semana super corrida para mim, saí do trabalho naquele trânsito básico de São Paulo decidi jantar no Maní. Confesso que dei sorte, consegui uma mesa sem precisar esperar muito, acredito que o fato de estar sozinho tenha facilitado também. A cozinha do Maní é dividida entre os Chefs Helena Rizzo e Daniel Redondo, tem a cultura de pensar no pequeno produtor e os pratos que são feitos com produtos orgânicos trazem uma gastronomia brasileira moderna e sofisticada. O restaurante tem um ambiente bem amplo com pé direito alto, a cozinha fica de frente para o salão, onde é possível observar os cozinheiros, eu particularmente gosto muito quando consigo ver o que acontece na cozinha. O clima do restaurante é muito agradável e tranquilo para conversar e degustar uma boa comida, o atendimento é bem atencioso, muito satisfatório. Para entrada eu pedi a salada Mata Atlântica, que é um mix de folhas com manga, pupunha, aipo, maracujá e azeite de carvão e manjericão, o sabor desta entrada fica na memória do paladar por um tempo, incrível! De prato principal pedi o filé mignon na brasa ao molho de presunto ibérico com terrine de batata e salada de rúcula, a carne estava no ponto e muita macia, o molho deu um toque bem especial no prato. Para sobremesa eu escolhi a torta de chocolate com sorbet de pêra, que estava sensacional, bem fofinha, cheio de cobertura e desmanchando na boca. O preço é um pouco salgado, mas vale a pena, é um lugar que sempre gosto de voltar! Foi uma ótima maneira de encerrar o meu dia e ir para casa descansar depois de um dia longo.

 

Avaliação geral: 8,7/ Comida: 9,0/ Ambiente: 8,5/ Serviço: 8,5

 

Futuro Refeitório: um misto de bandejão, restaurante e padaria com nome poético

Futuro Refeitório: localizado em um antigo estacionamento o restaurante tem opção de café da manhã, brunch, almoço e jantar

Futuro Refeitório: sábado acordei e, diferente do que ocorre normalmente, eu estava com fome. Não sou o tipo de pessoa que acorda com fome e toma café da manhã, mas naquele sábado estava com vontade de me sentar à mesa e tomar um delicioso e reforçado café, para depois pensar junto com a minha loirinha como iríamos aproveitar o dia. Foi então que eu tive a ideia de irmos conhecer o Futuro Refeitório. Chegando lá a impressão que eu tive do lugar é que ele é bem diferentão, fica em um antigo estacionamento e é uma mistura de restaurante e bandejão, tipo refeitório como o nome já diz, rs. O restaurante é ideia da Chef Gabriela Barretto que  comanda o já conhecido e premiado Chou, junto com a sua irmã Karina Barretto. Chegando lá ao olhar o cardápio do café da manhã, pedimos pela tostada de avocado e dikkah, muito gostosas. O café é torrado no próprio salão do lugar, como eu sou uma pessoa que não consome café, não é um atrativo para mim, mas achei legal para os admiradores da bebida. Os pães servidos lá, inclusive as torradas, são de fermentação natural e você pode escolher como cobertura, doce de leite, manteiga de amêndoas e mel, curd de laranja ou pasta de avelã e chocolate da casa. Nesse dia nós estávamos bem light e depois da tostada de avocado, pedimos o cremoso de chia, manga e coco, bem saborosinho! O lugar é bem legal e trás uma experiência diferente, com uma proposta bem saudável, e priorizando o consumo de orgânicos. Lembrando que lá eles também servem almoço e jantar, mas estes ficarão para uma próxima vez!

Avaliação geral: 8,7/ Comida:8,0/ Ambiente: 8,0/ Serviço:8,0